Confira agora 4 melhores destinos para praticar turismo acessível

4 minutos para ler

Viajar é uma experiência fantástica: aumentar a bagagem cultural, renovar as amizades e conhecer novos destinos são apenas alguns dos benefícios. Em contrapartida, nem todas as pessoas conseguem usufruir das aventuras. Muitas apresentam alguma dificuldade ou limitação física que podem impedi-las de embarcar nessa jornada. Uma boa notícia é que existe o turismo acessível, que possibilita condições equivalentes a todos os viajantes.

Por isso, é importante optar por lugares que ofereçam os meios adequados para atender a tudo o que necessitam. Infraestrutura de transporte adaptada e atrações e vias públicas com acessibilidade para pessoas com deficiência são alguns dos recursos essenciais para garantir uma viagem prazerosa e livre de preocupações e transtornos.

Neste post, vamos mostrar o que é turismo acessível e indicar 4 lugares que são preparados para receber pessoas com deficiência. Confira!

O que é turismo acessível?

O turismo acessível abrange um conjunto de medidas que auxiliam os turistas que apresentam alguma necessidade especial. Alguns níveis de deficiência intelectual e física são:

  • nível de visão: cegueira ou baixa visão;
  • nível auditivo: deficiência parcial ou total na audição;
  • nível motor: incapacidade física e motora;
  • nível mental: afeta as atividades perceptivas, cognitivas e linguísticas.

Para todas essas pessoas, existem destinos específicos que proporcionam facilidade no deslocamento e na apreciação do passeio e empresas de turismo específicas para atender o turismo acessível. Para a aplicação das medidas, é importante ter a participação de diversos componentes que formam o setor turístico. Nos locais como hostels, pousadas e hotéis, fica a critério da administração investir ou não em um ambiente adaptado.

Um dos procedimentos busca evitar carpetes felpudos com o objetivo de não provocar transtornos aos hóspedes com locomoção limitada. A construção de elevadores e rampas também pode facilitar a movimentação pelas dependências do lugar.

Quais são os melhores destinos para praticar turismo acessível?

Existem diversos destinos, tanto no Brasil quanto no exterior que oferecem acessibilidade para pessoas com deficiência. Confira quais são a seguir.

1. Barcelona

Após receber os Jogos Paralímpicos de 1992, Barcelona se tornou uma cidade acessível. Praças, restaurantes, bares e vários pontos turísticos apresentam acesso facilitado. O aeroporto conta um bom serviço conhecido como “Sem Barreiras”, oferecendo atendimento especial para pessoas com mobilidade limitada.

2. Nova Iorque

Se você deseja conhecer a maior metrópole do mundo, pode ir sem receios. A cidade conta com transporte público adaptado e calçadas espaçosas, planas e bem cuidadas. Além disso, diversos museus disponibilizam cadeiras de rodas e muletas, assim como pisos táteis e narrações descritivas em áudio para quem tem algum problema de visão.

3. Salvador

A capital da Bahia apresenta boa parte do centro histórico com condições de visita para pessoas com deficiência. Por lá, é possível encontrar calçadas ampliadas, elevadores e rampas que são atalhos para ladeiras e escadarias.

4. Bonito

Bonito, no Mato Grosso, é uma cidade famosa pelo ecoturismo. A cidade oferece programas de turismo radical em pântanos e matas, bem como rafting, rapel e flutuação em rios com a inclusão de pessoas com deficiência. Na área urbana, as calçadas são antiderrapantes e amplas, com rampas, pisos táteis e faixas sinalizadas.

Como vimos, o turismo acessível é muito importante para que as pessoas com deficiência consigam viajar e aproveitar o passeio. Assim, caso você vá viajar de carro, ônibus ou avião, informe com antecedência qual é a assistência da qual necessitará para o seu embarque. Além disso, lembre-se de chegar cedo ao aeroporto ou rodoviária para garantir um atendimento mais tranquilo.

Gostou deste post e quer complementar a sua leitura? Então, saiba quais são os maiores desafios da acessibilidade para pessoas com deficiência!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

-