6 esportes adaptados indicados para pessoas com deficiência

6 minutos para ler

A prática de atividades físicas é algo muito importante para a saúde, não é verdade? Por conta disso, existem diversos esportes adaptados para pessoas com deficiência, de modo a também proporcionar-lhes tais benefícios.

Sendo assim, seja para quem já faz algum esporte ou para quem está em busca de um para começar, o que acha de ver 6 esportes adaptados indicados para pessoas com deficiência? 

Mas por que praticar um esporte adaptado?

Bem, além do fato da prática de atividades físicas trazer vários benefícios para a saúde, como todos já sabem, para pessoas com deficiência ela pode representar momentos de superação, independência e até felicidade.

Ela pode, inclusive, tornar a pessoa mais otimista e sonhadora, e quem sabe não saia daí um próximo paratleta medalhista?

Portanto, a prática de atividades física pode ajudar muito a pessoa com deficiência a melhorar sua qualidade de vida.

Para isso, existem muitos esportes adaptados que têm proporcionado essa oportunidade de superação e transformação para essas pessoas.

Vejamos alguns esportes indicados para pessoas com deficiência:

1.    Futebol para cadeira de rodas

O futebol para cadeirantes, também chamado de power soccer, é destinado para pessoas que utilizam cadeiras de rodas motorizadas, mais especificamente para atletas com deficiências mais severas, como paralisia cerebral, distrofia muscular, tetraplegia e entre outras.

Sendo praticado em 27 países, o futebol para cadeirantes conta com regras semelhantes às do futebol tradicional, mas possui algumas diferenças, sendo as principais:

  • O tamanho da quadra é semelhante à de basquete;
  • A bola é maior do que a do futebol tradicional;
  • Equipes com quatro jogadores;
  • Equipes mistas de homens e mulheres, com diferentes tipos de deficiências;
  • Apenas uma pessoa pode disputar com o atleta que estiver com a posse de bola.

Como visto, o futebol para cadeira de rodas é um esporte adaptado muito bacana para quem possui deficiências mais severas, não é?

Futebol para Amputados – Um Esporte Adaptado

2.    Basquete para cadeirantes

O basquete para cadeirantes é o esporte adaptado mais antigo praticado por pessoas com deficiência no Brasil, com seu primeiro jogo ocorrendo em 1957. E esse esporte adaptado também é uma das principais modalidades nos Jogos Paralímpicos.

Sobre as regras desse esporte, a única coisa de diferente é que aqui cada jogador deve fazer algum movimento com a bola, quicar, arremessar ou passá-la, a cada dois toques no aro da cadeira de rodas.

Com mais de 100 clubes disponíveis para praticar o basquete no Brasil, este é mais um esporte indicado para pessoas com deficiência.

3.    Ciclismo para deficientes










Sendo uma modalidade destinada a amputados, lesionados medulares, deficientes visuais e de paralisia cerebral, o ciclismo para deficientes é dividido em categorias, em que os tipos de bikes variam de acordo com a deficiência do atleta.

Dividido em duas modalidades, há o ciclismo de estrada, em que todos saem ao mesmo tempo e vence quem chegar em primeiro, e o ciclismo de pista com três tipos de provas: perseguição, velocidade e contrarrelógio.

Em suma, esta prática esportiva, também presente nas Paralimpíadas, possui vários tipos de bikes e modalidades, tornando-se uma boa opção para pessoas com alguma deficiência que não as permite participar de outro esporte.



4.    Bocha

Bastante parecido com o bocha tradicional, aqui os atletas são divididos por categorias de acordo com a deficiência e grau de cada um, podendo ser jogado em dupla, equipes maiores ou individualmente.

O objetivo deste esporte é lançar bolas azuis ou vermelhas e deixá-las o mais perto possível da bola alvo, sendo uma atividade física que requer muita concentração e precisão.

Presente nos Jogos Paralímpicos desde 1984, o Brasil já conquistou medalhas nessa modalidade e esse esporte é um dos mais praticados em território nacional.

5.    Tênis de mesa

Tendo entrado nos Jogos Paralímpicos em 1960, o tênis de mesa para pessoas com deficiência é dividido em atletas andantes ou cadeirantes, para pessoas com paralisia cerebral, amputados ou cadeirantes.

Este esporte também pode ser praticado individualmente, em duplas ou por equipes, e contém as mesmas regras do tênis de mesa tradicional, com exceção de que aqui a bolinha pode pular duas vezes.

Além disso, o saque deve ser realizado com a mão contrária àquela que o atleta segura a raquete, exceto para o caso de amputação de membros ou alguma deficiência no outro braço.

6.    Vôlei sentado

Outro esporte muito bacana em equipe é o vôlei sentado, que é destinado às pessoas com alguma deficiência física e de locomoção, classificados em dois grupos de acordo com o grau da deficiência.

Com regras parecidas do vôlei tradicional, aqui a quadra é menor, com a rede ficando a 1,15m do chão. Composto de times de 6 jogadores em cada time, a única diferença nas regras é que é permitido bloquear o saque, porém todos os jogadores devem manter a pélvis encostada no chão.

Presente nos Jogos Paralímpicos desde 1980, na edição da Holanda, no Brasil o esporte é administrado pela Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD).

Puxa, deu para aprender bastante, né? É importante lembrar que todos esses esportes necessitam de muito preparo e dedicação por parte dos atletas, e caso você decida se aventurar em algum desses, consulte um médico para ver se sua condição permite a prática de determinado esporte.

E caso não seja possível praticar algum esporte, também não devemos esquecer que existem outros exercícios físicos que podem ser feitos em casa, como alongamentos.

O importante mesmo é não ceder ao sedentarismo e sim sempre buscar manter o corpo ativo, de modo a evitar o aparecimento de doenças que poderiam ser evitadas.

Caso tenha interesse em começar a praticar algum esporte mencionado ou dar uma melhorada no seu desempenho, considere dar uma olhada na nossa linha de cadeiras de rodas esportivas para ver se há algo de seu interesse.

Mas e aí, o que achou desses esportes indicados para pessoas com deficiências? Já conhecia ou praticava algum desses esportes? Deixe aí nos comentários que queremos saber sua opinião.

Por fim, não se esqueça de nos seguir nas nossas redes sociais, Instagram e Facebook, para que você sempre fique sabendo quando tivermos mais posts bacanas para você.

Você também pode gostar

Deixe um comentário

-